últimas notícias sobre o COVID-19

O Papa Francisco às Filhas da Caridade: “sejam mães e irmãs dos pobres”

por | nov 23, 2021 | Filhas de Caridade, Notícias | 0 Comentários

O Papa Francisco enviou uma mensagem em vídeo às participantes da Assembléia de Paris da Companhia das Filhas da Caridade: “uma Companhia de mulheres feita para sair e levar o Amor de Cristo aos pobres”.

Uma profunda reflexão sobre sua missão à luz do Evangelho. Este é o tema da Assembléia de Paris da Companhia das Filhas da Caridade, fundada no século XVII por São Vicente de Paulo e Santa Luísa de Marillac com a tarefa de assistir os pobres e os doentes. E em sua saudação, contida em uma mensagem em vídeo, o Papa Francisco exorta as religiosas a nunca se cansarem de “ir em direção, de se encontrarem”. Sejam, sublinha o Pontífice, “uma Companhia de mulheres feita para sair e levar o Amor de Cristo aos pobres. Isto as levou em todo o mundo não só a ajudar os pobres em grandes institutos, hospitais, orfanatos e escolas, mas também a visitá-los, a sair ao seu encontro nos lugares onde vivem, a participar com eles dos caminhos do crescimento humano, da promoção da vida e do cuidado espiritual”.

Proximidade aos prediletos do Senhor

Em seguida, o convite do Papa às irmãs para olharem para sua vocação. “Deus confiou a vocês os pobres, seus prediletos”, disse. “Vocês são para eles mães e irmãs”. Mães, porque com seu amor, sua atenção a todas as suas necessidades, vocês os geram ao Amor de Deus e os reabrem à beleza da vida. Irmãs, porque vocês os apoiam em suas condições e os acompanham a redescobrir a dignidade nos muitos caminhos da vida que fazem com eles”.

Caminhar através da história com um sorriso

“Ser Filhas da Caridade”, recorda o Papa, “significa ser Filhas de Deus, a imagem do Amor maior que o próprio Deus nos testemunhou”. Então, o Pontífice sublinha como neste tempo “marcado por tantas contradições e tantas formas de marginalização”, as Filhas da Caridade têm um papel histórico como mulheres, “o de acompanhar tantos de nossos irmãos e irmãs que são vítimas de violência, de discriminação, de fazer crescer as crianças que são as primeiras vítimas dos abuso dos adultos, de custodiar e defender a vida ao seu redor, com seu sorriso, seu cuidado, sua dedicação ao serviço dos pequenos”. Enfim, o convite do Papa Francisco a trabalhar, “para que a todos sejam garantidos os direitos fundamentais que garantem uma vida digna, a ajudar a salvaguardar nossa casa comum, a transmitir a fé e os valores cristãos às novas gerações e a educá-las a cuidar umas das outras”. Deus chama vocês a caminharem na história, a caminharem juntas para compartilhar os acontecimentos da humanidade”.

A seguir, compartilhamos a mensagem de vídeo completa do Santo Padre Francisco em italiano:

Fonte: https://www.vaticannews.va/

Transcrição da mensagem:

Queridas Irmãs, vocês estão reunidas em Assembléia em Paris, em sua Casa Mãe na Rue du Bac, para refletir, à luz do Evangelho, sobre sua missão. O tema que você escolheu é um tema corajoso, Ephata, e o leva a considerar a necessidade de “atravessar a soleira da porta…”, de nunca se cansar de “ir em direção…”, de “encontrar-se”. Esta tem sido sua característica desde o início. Uma companhia de mulheres criada para ir e levar o amor de Cristo aos pobres. Isto os levou ao redor do mundo, não apenas a ajudar os pobres em grandes institutos, hospitais, orfanatos e escolas, mas também a visitá-los, a sair para encontrá-los nos lugares onde vivem, a participar com eles de dias de crescimento humano, de promoção da vida, de cuidados espirituais.

Convido-os a contemplar a beleza de sua vocação, que é bela! Deus o confiou aos seus amados pobres. Vocês são, para elas, mães e irmãs – não sogras – mães e irmãs. Mães, porque por seu amor, por sua atenção a todas as suas necessidades, você as gera ao Amor de Deus e as reabre à beleza da vida. Irmãs, porque vocês as apóiam em suas condições e as acompanham para redescobrir a dignidade nos muitos caminhos da vida que vocês percorrem com elas. Assim, cada vez mais, vocês se tornam Filhas da Caridade, o que, segundo o pensamento de seu fundador, São Vicente de Paulo, significa ser Filhas de Deus, uma imagem autêntica do maior Amor que o próprio Cristo Deus testemunhou para nós.

Como Filhas da Caridade, nestes tempos marcados por tantas contradições e tantas formas de marginalização, vocês têm um papel histórico como mulheres que vivem uma forma particular de consagração: o de acompanhar tantos de nossos irmãos e irmãs que são vítimas de violência e discriminação, o de criar crianças que são as primeiras vítimas de abuso de adultos, o de guardar e defender a vida que lhes rodeia, com seu sorriso, seu carinho, sua dedicação ao serviço dos pequenos. Convido-os a trabalhar para garantir a todos os cidadãos os direitos fundamentais que garantem uma vida digna, para ajudar a salvaguardar nossa casa comum, para transmitir a fé e os valores cristãos às novas gerações e para educá-los a cuidar uns dos outros. Há muito o que fazer! Deus o chama para responder com sua generosidade. Deus o chama a encontrar-se, a escutar, a caminhar na história, a caminhar juntos para compartilhar os eventos da humanidade.

Você continua a ser uma grande força espiritual na Igreja e no mundo. Peço ao Senhor, por intercessão de Maria, a única Mãe de sua Sociedade, que o proteja em sua vocação e impulsione sua missão. Que o Senhor o abençoe, que Nossa Senhora o proteja, e por favor não se esqueça de rezar por mim. Obrigado.

 

  • Facebook
  • Twitter
  • Pinterest
  • Print or Email

Tags:

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

VinFlix

Doar para .famvin

Ajude-nos a continuar a trazer-lhe notícias e recursos na web.

Pin It on Pinterest

Share This