Sections

Mensagem do Papa Francisco para a celebração do 51º Dia Mundial da Paz

Nesta segunda-feira, 1 de janeiro de 2018, solenidade de Santa Maria Mãe de Deus, a Igreja comemora o 51º Dia Mundial da Paz. O tema da reflexão que propõe para este ano é: “Migrantes e refugiados: homens e mulheres em busca de paz”.

Em sua mensagem, o Papa lembra os “mais de 250 milhões de migrantes no mundo, dos quais 22 milhões e meio são refugiados. Estes últimos, como afirmou o meu amado predecessor Bento XVI, ‘são homens e mulheres, crianças, jovens e idosos que procuram um lugar onde viver em paz’. E, para o encontrar, muitos deles estão prontos a arriscar a vida numa viagem que se revela, em grande parte dos casos, longa e perigosa, a sujeitar-se a fadigas e sofrimentos, a enfrentar arames farpados e muros erguidos para os manter longe da meta”.

Do mesmo modo, afirma que “em muitos países de destino, generalizou-se largamente uma retórica que enfatiza os riscos para a segurança nacional ou o peso do acolhimento dos recém-chegados, desprezando assim a dignidade humana que se deve reconhecer a todos, enquanto filhos e filhas de Deus”.

O Papa denuncia aqueles que “fomentam o medo contra os migrantes, talvez com fins políticos, em vez de construir a paz, semeia violência, discriminação racial e xenofobia, que são fonte de grande preocupação para quantos têm a peito a tutela de todos os seres humanos”.

De acordo com o Papa Francisco, “oferecer a requerentes de asilo, refugiados, migrantes e vítimas de tráfico humano uma possibilidade de encontrar aquela paz que andam à procura, exige uma estratégia que combine quatro ações: acolher, proteger, promover e integrar”, ações em que o Papa insiste na sua Mensagem para o Dia Mundial do Migrante e do Refugiado de 14 de janeiro de 2018.

Leia a mensagem completa aqui:

English

Online PDF

Español

Online PDF

Français

Online PDF

Português

Online PDF

Italiano

Online PDF

Polski

Online PDF
No comments yet.

Deixe uma resposta