últimas notícias sobre o COVID-19

Novena vocacional vicentina em honra a São José. 9º dia

por | mar 18, 2021 | Formação, Reflexões espirituais | 0 Comentários

9º DIA: PAI COM CORAGEM CRIATIVA

Motivação Inicial: Quereis encontrar a Deus? Ele fala com os simples. Ó meu Salvador! ó meus irmãos, que sentis o desejo de ser simples, que felicidade! Que felicidade! Coragem, pois tendes a promessa de que o prazer de Deus é estar com as pessoas simples. (SV XII, 201)

Em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Canto a escolher.

Oração inicial

Salve, guardião do Redentor e esposo da Virgem Maria!
A vós, Deus confiou o seu Filho;
Em vós, Maria depositou a sua confiança; convosco, Cristo tornou-se homem.

Ó Bem-aventurado José, mostrai-vos pai também para nós
e guiai-nos no caminho da vida.
Alcançai-nos graça, misericórdia e coragem, e defendei-nos de todo mal.

Amém!

Refletindo a Palavra de Deus: Mt 2,13-14.

Momento de meditação e silêncio.

Perguntas para partilhar:

a) Sou corajoso diante das dificuldades da vida vocacional ou abandono os projetos de Deus na primeira oportunidade que tenho?
b) Faço uso criativo da coragem que me foi dada por Deus para cativar o meu próximo e, sobretudo, para servir aos mais pobres?

Preces

Palavra de São Vicente:

Além disso, como o amor é inventivo até o infinito, deixou-se pregar no patíbulo infame da cruz, para conquistar as almas e os corações daqueles por quem quer ser amado. Não falamos de outros e ao mesmo tempo inumeráveis recursos de que ele se serviu para este fim, durante sua permanência entre nós. Prevendo que sua ausência poderia ocasionar algum esquecimento ou resfriamento em nossos corações, quis obviar a este inconveniente, instituindo o Santíssimo Sacramento, no qual está real e substancialmente presente, como está no céu (SVP XI, 102).

Palavra do Papa Francisco:

Se a primeira etapa de toda verdadeira cura interior é acolher a própria história, ou seja, dar espaço no nosso íntimo até mesmo ao que não acolhemos em nossa vida, convém acrescentar outra característica importante: a coragem criativa. Esta coragem aparece sobretudo quando encontramos dificuldades. No fim de cada acontecimento que tem José como protagonista, o Evangelho observa que ele se levanta, toma consigo o Menino e sua mãe e faz o que Deus ordenou (Mt 1,24; 2,14.21) e protege Maria e o Menino Jesus. Neste sentido, São José não pode deixar de ser o guardião da Igreja, porque a Igreja é o prolongamento do Corpo de Cristo na história.

Oração final

Ó Glorioso São José, homem justo, fiel e bom. Vós sois o reflexo da paternidade de Deus e patrono das vocações vicentinas. Por vós depositamos nossa esperança e confiança em Jesus.

São José, a quem Deus confiou o cuidado da Família de Nazaré, sede o pai e protetor da nossa Família Vicentina e inspirai-nos a graça de vivermos sempre na fidelidade e no amor, sobretudo o compromisso com o direito e a justiça para com os mais pobres. Tomai nossos jovens vocacionados, nossas comunidades, províncias e trabalhos sob vossa proteção.

Ó Deus, pela intercessão de São José, “mandai bons operários à vossa igreja, para que trabalhem de modo eficaz na vossa vinha; Não importa se em pequeno número, contanto que sejam bons” (cf. Coste, XI, 357). Amém

São José, rogai por nós.

São Vicente de Paulo, rogai por nós!

Autor: Ramon Aurélio Júnior da Cunha (Província Brasileira da Congregação da Missão)
Fonte: Serviço de Animação Vocacional Vicentino – Brasil

Clique na imagem para descarregar a novena completa:

Tags:

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

VinFlix

Doar para .famvin

Ajude-nos a continuar a trazer-lhe notícias e recursos na web.

Pin It on Pinterest

Share This